Depressão em pacientes Oncológicos

O diagnóstico de depressão é muito confuso nesses pacientes. Há queixa de cansaço, tristeza, desânimo, pessimismo, isolamento, dispersão, falta de prazer, dificuldade de concentrar, negativismo, alteração do sono, irritabilidade e insegurança.
Esses sintomas muitas vezes passam despercebidos pela equipe médica e pelos familiares. Isto acontece por duas razões: todos estão com o foco no tratamento do câncer (quimioterapia ou radioterapia) ou são considerados sintomas normais pela fase difícil que o paciente está passando. Entretanto, estudos demonstram que a prevalência de depressão varia de 42% a 87% dos pacientes em tratamento em hospital dia.
É tão preocupante a incidência da depressão nesses pacientes, pois agravam o prejuízo da qualidade de vida já reduzida pela patologia, que o National Comprehensive Cancer Network desenvolveu, como parte de todas as consultas oncológicas, uma entrevista padrão para auxiliar a equipe na avaliação do sofrimento psíquico. Conforme o relato deles foi tão importante e tão agregador na avaliação clínica que eles colocaram as sugestões online e com acesso gratuito a todos em seu site.
É direito do paciente que seu estado mental seja avaliado por profissional da Saúde Mental, para que haja reconhecimento, orientação e tratamento ao lidar com esse momento difícil, tratamento com efeitos colaterais e o ajustamento da doença ao momento de vida.

Se junte à conversa

1 comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

  1. Elizabete sua matéria é muito legal, pois confere exatamente o que pensam muitos e acabamos esquecendo que, quando toma-se consciência de uma doença a pessoa sofre um grande impacto em sua vida. Se compreendemos que sintomas psicológicos de depressão apresentam-se com frequência em pacientes com doenças clínicas, consequentemente, em pessoas com diagnóstico de câncer, os transtornos não devem ser menores.

    Curtir

%d blogueiros gostam disto: