Palavra cruzada : passatempo ou exercício de memória?

Palavras cruzadas e Soduku são mais que um passatempo por fazerem bem ao seu cérebro. O hábito de fazer palavras cruzadas ativa as áreas da linguagem e da memória verbal.

A memória verbal é o vocabulário que aprendemos ao longo da vida. Sendo que tem algumas palavras que não utilizamos no cotidiano e a palavra cruzada pode auxiliar no acesso a essas palavras. Com isso, o passatempo faz com que esse vocabulário continue ativo.

A Universidade de Exeter, na Inglaterra, divulgou um estudo realizado com mais de 19 mil voluntários e recebeu o nome Protect. Resultou que o hábito de realizar passatempos que envolvem palavras cruzadas ou números (como o clássico Sudoku) ajudam a deixar o cérebro em bom funcionamento em pessoas de qualquer idade.

Os participantes foram convidados a responder sobre o número de vezes que tinham contato com palavras cruzadas e jogos envolvendo números. Depois eram desafiados a resolver questões que envolviam cognição.

O resultado foi que os que responderam de maneira positiva ao hábito de utilizar esses passatempos no seu cotidiano

se saíram melhor nas tarefas de memória, atenção e raciocínio.

Outro fato desses estudo é que aqueles que regularmente usavam passatempos do gênero tinham funções cognitivas parecidas com às pessoas com menos de 10 anos da sua idade cronológica em relação a tarefas que exigem memória curta.

Publicado por Elizabete Possidente

Formou -se em Medicina em 1994. Foi médica residente do Instituto de Psiquiatria da UFRJ de 1995 a 1996. Defendeu Mestrado em 1997 a 1999 pelo Departamento de Psiquiatria do Instituto de Psiquiatria da UFRJ. Durante muitos anos foi supervisora de Psiquiatria pela Prefeitura Municipal do Rio de Janeiro. Foi médica perita em Psiquiatria no Manicômio Heitor Carrilho pela Vara de Execuções Penais da Secretaria Estadual de Justiça. Foi médica Psiquiatra e perita em Psiquiatria pelo Ministério da Defesa no Hospital Central do Exército e pela Auditoria Militar. Foi médica Psiquiatra e chefe do serviço de Saúde Mental da Policlínica Newton Alves Cardoso. Tem diversos artigos publicados em revistas médicas. Diversos trabalhos publicados em congressos nacionais e internacionais. Está sempre se atualizando e participando de eventos médicos nacionais e internacionais em Psiquiatria.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: